domingo, 31 de agosto de 2008

A China

Voltando à China pós Jogos Olímpicos de 2008, poderemos ver no clipe aqui apresentado, como o país vem avançando em diferentes frentes, principalmente na tecnológica. As imagens são uma mostra do que pode ser encontrado por lá.

A maior contrução na face da Terra

A Shimizu Corporation está propondo a construção da Shimizu Mega-City Pyramid dentro da baía de Tóquio, no Japão. A estrutura proposta será 12 vezes mais alta do que a Grande Pirâmide de Giza e poderá abrigar cerca de 750.000 pessoas. Quando estiver construída, será a maior estrutura existente na Terra, feita pelo homem. Ela terá 2.004 metros de altura e servirá para suprir a crescente falta de espaço em Tóquio.
A estrutura proposta é tão grande que não poderia ser construída com os materiais atualmente disponíveis, devido à sua altura. O projeto prvê a disponibilidde futura de materiais leves e super resistentes baseados em nanotubos de carbono.
Veja o filme ilustrativo!


Síndrome das pernas inquietas

A Síndrome das Pernas Inquietas (SPI), também conhecida como Síndrome de Ekbom, é uma desordem neurológica associada a sensações anormais nas pernas. Cerca de 5% da população geral e 10% das pessoas acima de 65 anos têm esse problema.
É uma doença muito pouco conhecida no país. Os principais sintomas que a doença apresenta são uma forte "agonia" nas pernas e intensa necessidade de se movimentar para aliviar o desconforto.
Indícios da síndrome foram descobertos ainda no século passado, mas estudos mais aprofundados surgiram mesmo na década de 80. Os sintomas aparecem quando o paciente encontra-se em repouso, como em viagens ou ao ler um livro e, principalmente, à noite.
"As causas da síndrome ainda não foram totalmente comprovadas, mas sabe-se que a falta de ferro no organismo é um dos fatores que influencia no desenvolvimento da doença", afirma o neurologista Raimundo Nonato Delgado Rodrigues, especialista na doença. Mulheres, em geral, têm mais chances de desenvolvê-la, visto que passam por um ciclo menstrual no qual perdem sangue e muitas vezes ficam anêmicas. Esse problema é aumentado durante a gravidez, porque há uma divisão de nutrientes e proteínas entre o feto e a mãe, o que pode ocasionar uma deficiência de ferro no organismo da mulher. Os principais problemas ocasionados pela SPI são a insônia e o sono não reparador, que pode trazer junto a ele muitos outros problemas como mal estar durante o dia, falta de concentração, estresse e cansaço constante. Como não há uma significativa divulgação da doença, o neurologista afirma que muitos médicos (por não conhecerem a síndrome) acabam tratando seus pacientes como se tivessem outros tipos de problema, o que acaba dificultando na hora do tratamento correto.
Para dar apoioàs pessoas que sofrem da síndrome, foi criada em São Paulo a Associação Brasileira da Síndrome das Pernas Inquietas (ABRASPI). Trata-se de uma instituição sem fins lucrativos que visa a dar auxílio a pacientes portadores da síndrome e ajudar nos projetos de pesquisa e treinamento sobre a doença. Seu presidente é o médico neurologista Dr. Gilmar Fernandes do Prado e os e-mails para contatos são: sindromedaspernas@hotmail.com ou sindromedaspernasinquietas@gmail.com. Há, também, um site. O endereço é http://www.sindromedaspernasinquietas.com.br.
Fonte: Síndrome das Pernas Inquietas

Onde está o manual do equipamento?

Quantas vezes você procurou o manual de um equipamento e não encontrou? Aparentemente, surgiu uma solução rápida e prática para encontrá-lo. O site diplodocs.com se propõe a encontrar manuais de equipamentos de diversos fabricantes. Testei alguns e o resultado foi positivo. Faça a sua busca diretamente no site e informe o resultado nos comentários, para que todos possam avaliar.

O Líbano

Paisagens e um pouco de história do Líbano.

sexta-feira, 29 de agosto de 2008

Água

Água, este bem tão precioso que mal sabemos preservar, em diferentes formas e aparências.

Belos jardins

Seqüência de fotos de jardins. Recebidas por email e editadas em video-clipe.

A Yukon Railway no Alasca

Maravilhosas imagens de estrade de ferro no Alasca (Yukon Railway). Se você quiser conhecer a história dessa ferrovia clique aqui.

Igrejas russas

Moscou está repleta de belas igrejas e catedrais. Este video-clipe foi editado a partir de maravilhosas fotos de igrejas russas.

Cerâmicas de Sevilha

Belas imagens de cerâmicas em Sevilha, mostrando azulejos, composições e desenhos variados com a secular arte da cerâmica.
O processo de elaboração das cerâmicas de Sevilha se caracteriza pela conservação dos métodos empregados em Sevilha desde os séculos passados, tais como o esmaltado realizado por artesãos que seguram a peça que vai ser banhada e derramam sobre ela a mistura adequada de esmaltes para conseguir os brilhos de qualidade e os brancos de aspecto antigo.
A decoração dos azulejos se realiza com o uso de pincéis com os quais se aplicam óxidos metálicos diretamente sobre o azulejo já esmaltado. Este método é denominado "bajo baño".


quarta-feira, 27 de agosto de 2008

O fenômeno das Auroras

A Aurora é um fenômeno atmosférico luminoso que ocorre com maior freqüência acima da latitude 60º Norte ou sul, mas que também ocorre em outras partes do mundo. Ela é nomeada especificamente de acordo com o local onde ocorre, podendo ser chamada aurora boreal (northern lights) ou aurora austral (southern lights). O termo Aurora polar ou luzes polares, é um nome geral para ambas as ocorrências. A Aurora consiste de deslocamentos rápidos e colunas dançantes de luz, de várias tonalidades. A ocorrência mais extensa de tal fenômeno é acompanhada de distúrbios no magnetismo terrestre e de interferências em rádio comunicação, comunicação telefônica e transmissão telegráfica. Os períodos de máxima e mínima intensidade parecem ser quase exatamente opostos àqueles do ciclo solar, o qual é um ciclo de 11 anos. Por isso, a intensidade das Auroras é normalmente baixa quando o sol está muito ativo. Enormes aparições que ocorrem mais longe dos pólos da terra do que o normal acontecem mais freqüentemente quando o sol é muito ativo.
As Auroras também já foram observadas na atmosfera de Júpiter.


terça-feira, 26 de agosto de 2008

Esculturas com lápis

Obras interessantes que o artista produziu, utilizando somente lápis dispostos de diversas formas.

Brincando com o Sol

Clipe com fotos combinando posições pessoais com o Sol.

Passeando pela Suiça

Clipe editado com maravilhosas fotos da Suiça, com seus rios, igrejas, montanhas, campos e neve.

A Alemanha

Um breve passeio pela Alemanha, mostrando imagens que marcaram a cultura e a produção alemã ao longo do tempo.
Pontos característicos da região, como a floresta Negra, os vinhedos do Reno,a Bavária e muitos outros pontos admirados pelos turistas.


Refeição em alto nível na Bélgica

Se você deseja comemorar alguma data especial com uma refeição em alto nível, esse restaurante belga oferece o que há de mais pitoresco na Europa. Basta se programar e terá grandes emoções.
Sim, realizando uma refeição, seja café da manhã, almoço, jantar, ou um simples lanche a 50 metros de altura, pendurado no espaço, sem dúvida é uma situação bastante diferente. Isso é o que as pessoas esperam de um restaurante completamente fora dos padrões habituais, ou seja, preso entre quatro paredes.
Dinner in the Sky é um restaurante constituído de uma grande mesa maciça, suspenso no ar por um guindaste e está localizado na cidade de Zonhoven, na Bélgica, próximo à fronteira com a Holanda, com capacidade para 22 pessoas.
Um detalhe, os proprietários oferecem a possibilidade de levar o restaurante a qualquer outro lugar fora da Bélgica. Já existem eventos marcados em Paris e Bruxelas, enquanto outros em New York e Niagara Falls estão sendo agendados.
Quanto ao custo, como exemplo é informado que por meras 10,000 libras o restaurante poderá ser deslocado para a Grã-Bretanha para um jantar nas alturas.


Os cactus

Videoclipe editado a partir de fotos de cactus.
Considero o cactus, planta da Família das Cactaceae, o símbolo do poder de adaptação. Mesmo sendo apropriado à vida em regiões secas, encontramos o cactus em diversas outras regiões, principalmente no Brasil, desde o mandacaru no Nordeste, até as espécies que proliferam no litoral do Sudeste. Os cactus toleram longos períodos sem chuva e mesmo assim nos oferecem maravilhosas flores, atraindo insetos, pássaros e até mesmo morcegos.
Dentre as diversas espécies de cactus, encontramos os chamados "flor de maio", uma espécie de cactus ornamental, facilmente encontrado no Sudeste e Sul do Brasil. Eu possuo vários exemplares em minha residência. Embora estejamos no mês de julho, eles começaram a florir agora e estão maravilhosos. Por aqui, elas não permanecem abertas por mais de 15 dias, mas mesmo assim oferecem uma maravilhosa cena.
Segundo o Feng Shui os cactos são considerados Guardiões, por serem purificadores de ambientes e, de acordo com os especialistas desta técnica milenar, os cactus agem como uma barreira para os raios gama emitidos por computadores e aparelhos de TV. Por viverem em regiões áridas e isoladas, ajudam as pessoas e conhecerem a sua força interna em momentos de solidão.

Uma passagem por Amsterdam

Amsterdam amada por uns, desprezada por outros, mas sem dúvida uma cidade diferente. Seus canais, as residências em barcos, o mercado de tulipas, a rua das vitrines, onde mulheres se expõem à cobiça dos homens. Os monumentos e praças, museus, o palácio imperial, os tradicionais moinhos, os campos de tulipas e muitas outras imagens e atrações. Estive por lá em 1968, a serviço e fiquei bastante impressionado com a organização, a limpeza e os investimentos em infra-estrutura, não só em Amsterdam, como em todas as cidades que consegui visitar, que não foram poucas, pois passei três meses, residindo em Hilversum. Aproveitem!

Artesanato antigo

Desde muito tempo a produção e os serviços foram fundamentados na habilidade manual de cada operador, até que surgiram as máquinas na revolução industrial, os robôs, os computadores, etc, na revolução tecnológica moderna.
Vamos curtir juntos como era antigamente?


Esculturas nos jardins do Benson Park

O Benson Sculpture Park localizado na esquina das ruas 29th e Beech, na cidade de Loveland, Colorado está aberto ao público de 6:00 horas às 22:30 horas, com espaço para estacionamento de veículos. O parque oferece uma bela e única visita ao ar livre a obras de escultura. Todo mês de agosto acontece o evento Esculturas no Parque, promovido pelo Loveland High Plains Arts Council. O High Plains Arts Council, é uma instituição privada, sem fins lucrativos, instalada em 1984 com o propósito de promover a arte escultural, visando benefícios culturais e econômicos para a comunidade. O foco principal continua sendo a promoção e patrocínio do evento anual Esculturas no Parque. Os recursos obtidos a cada ano com o evento passam a ser parte integrante de um fundo para aquisição de novas esculturas e melhoramentos no parque. Mais informações podem ser obtidas pelo email lhpac@sculptureinthepark.org ou pelo telefone (970) 663-2940, direto com a administração do parque.

domingo, 24 de agosto de 2008

A Antártica

Imagens fantásticas da Antártica, localizada no Polo Sul. Na Antártica, o ponto mais frio do globo terrestre, a temperatura chega a -70º C. Cerca de 90% do território da Antártica é coberto por gelo, com espessuras de até 2.500 metros. Em alguns pontos a espessura chega a 4.776 metros. Caso toda essa camada de gelo viesse a derreter os oceanos subiriam algo como 70 metros acima dos níveis atuais.

Minha neta Clara na novela Luz do Sol

Cenas da participação de minha neta Clara na novela Luz do Sol, da Rede Record, último capítulo, em 20/11/2007. Ela aparece junto à mesa de centro, com direito a fechamento da câmera no rosto dela e na festa de encerramento, no colo do Gracindo Júnior. Ela, na novela, era a personagem Antonia.


Fractais

As formas geométricas mais incríveis e belas, encontradas na natureza. Como surgem, como são criadas? São as grandes e eternas perguntas. Como diz meu amigo Coelho, "Várias manifestações de fenômenos e entes da natureza, seguem uma distribuição aparentemente caótica, mas na realidade, uma Inteligência Superior estabeleceu uma ordem na qual todas elas estão a se basear. É, realmente, uma obra de arte Suprema."
Estes são os fractais.


A arte chinesa através das lanternas

Concluídos os Jogos Olímpicos de Pequim (Beijing) 2008, fica para sempre a imagem de uma festa monumental e maravilhosa. Ou melhor, de duas festas: uma na abertura e outra no encerramento. Não vamos falar da participação das equipes brasileiras, de seus sucessos inesperados e perdas de medalhas consideradas como certas. Vamos exaltar o espírito olímpico demonstrado pelos verdadeiros atletas. Fica aqui uma imagem da arte chinesa transmitida através das lanternas. Vejam e aproveitem.

sexta-feira, 22 de agosto de 2008

Desculpas ao esporte e aos atletas brasileiros

Recebi o texto abaixo por email e julguei pertinente reproduzir. Acredito ser um texto que muitos gostariam de ter escrito. Leiam!
Desculpem pela falta de espaços esportivos nas escolas.
Pela falta de professores de educação física nas séries iniciais.
Pelas escolinhas mercantilizadas que buscam quantidade de clientes e não qualidade de aprendizagem.
Desculpem pela falta de incentivo na base.
Desculpem pela falta de praças esportivas.
Desculpem pelo discurso de que "o esporte serve para tirar a criança da rua" (é muito pouco se for só isso!).
Desculpem pela violência nas ruas que impede jovens de brincar livremente, tirando deles a oportunidade de vivenciar experiências motoras.
Desculpem se muito cedo lhe tiraram o "esporte-brincadeira" e lhe impuseram o "esporte-profissão".
Desculpem pelo investimento apenas na fase adulta quando já conseguiram provar que valia a pena.
Desculpem pelas centenas de talentos desperdiçados por não terem condições mínimas de pagar um transporte para ir ao treino, de se alimentar adequadamente, ou de pagar um "exame de faixa".
Desculpem por não permitirmos que estudem para poder se dedicar integralmente aos treinos.
Desculpem pelo sacrifício imposto aos seus pais que dedicaram seus poucos recursos para investir em algo que deveria ser oferecido gratuitamente.
Desculpem levá-los a acreditar que o esporte é uma das poucas maneiras de ascensão social para a classe menos favorecida no nosso país.
Desculpem pela incompetência dos nossos dirigentes esportivos.
Desculpem pelos dirigentes que se eternizam no poder sem apresentar novas propostas; Desculpem pelos dirigentes que desviam verbas em benefício próprio.
Desculpem pela falta de uma política nacional voltada para o esporte.
Desculpem por só nos preocuparmos com leis voltadas para o futebol (Lei Zico, Lei Pelé, etc.).
Desculpem se a única lei que conhecem ligada ao esporte é a "Lei do Gérson" (coitado do Gérson).
Desculpem pelos secretários de esporte de "ocasião", cujas escolhas visam atender apenas, promessas de ocupação de espaços político-partidários (e com pouca verba no orçamento).
Desculpem pelos políticos que os recebem antes ou após grandes feitos (apenas os vencedores) para usá-los como instrumento de marketing político.
Desculpem por pensar em organizar "Olimpíadas" se ainda não conseguimos organizar nossos ministérios; nossas secretarias, nossas federações, nossa legislação esportiva.
Desculpem por forçá-los, contra a vontade, a se "exilarem" no exterior caso pretendem se aprimorar no esporte.
Desculpem pela cobrança indevida de parte da imprensa que pouco conhece e opina pelo senso comum.
Desculpem o povo brasileiro carente de ídolos e líderes por depositar em vocês toda a sua esperança.
Desculpem pela nossa paixão pelo esporte, que como toda paixão, nem sempre é baseada na razão.
Desculpem por levá-los do céu ao inferno em cada competição, pela expectativa criada.
Desculpem pelo rápido esquecimento quando partimos em busca de novos ídolos.
Desculpem pelas lágrimas na derrota, ou na vitória, pois é a forma que temos para extravasar o inexplicável orgulho de ser brasileiro e de, apesar de tudo, acreditar que um dia ainda estaremos entre os grandes.

Prof. MSc. Ronaldo Pacheco de Oliveira Filho
Prof. da Secretaria de Educação do DF (cedido à UnB)
Prof. da Universidade Católica de Brasília
ronaldo.pacheco.f@terra.com.br
ronaldop@ucb.br

Será verdade? Ou são lendas urbanas?

Dizem que as coisas começaram assim. Será?
Aspirina

É da casca do salgueiro que vem o princípio ativo da aspirina. A salicina e o salicilato, extraídos dessa árvore, eram usados contra a cefaléia na Mesopotamia, 3 mil anos a.C. No entanto, a aspirina foi patenteada pela indústria alemã Bayer em 10 de outubro de 1897. O químico Felix Hoffmann, com a ajuda do professor Heinrich Dreser, sintetizou o ácido acetilsalicílico para aliviar as dores reumáticas do seu pai. O nome do remédio mais popular do século foi formado assim: 'a' vem de acetil; 'spir' é a raiz do ácido epírico (substância quimicamente idêntica ao ácido acetilsalicílico); e o 'ina' é um sufixo que se adicionava ao nome de todos os medicamentos no final do século XIX.
Alka-Seltzer

No inverno de 1928, Hub Beardsley, presidente dos Laboratórios Dr. Miles, visitou uma redação de um jornal e viu que nenhum funcionário havia faltado por causa da gripe que estava contagiando todos. Explicaram-lhe que eles tomavam uma combinação de aspirina e soda caustica. Beardsley pediu aos seus químicos para testarem a fórmula. O químico Maurice Treneer foi mais longe e criou o Alka-Seltzer 3 anos depois.
Creme Nívea

Foi criado em dezembro de 1911 pela farmácia de manipulação do doutor Oskar Troplowitz, que descobriu como unir água e óleo para hidratar a pele. O Eucerit, retirado da lanolina e combinado com óleos, água, compostos de glicerina, ácido cítrico e essências de rosas e lírios, formava o creme. 'Branco como a neve', foi batizado de Nívea e era comercializado numa latinha amarela. A embalagem ganhou a cor azul com letras brancas em 1925. Depois da Segunda Guerra Mundial, a marca Nívea foi expropriada. A partir de 1952, a empresa Beiersdorf iniciou uma longa jornada pelos países para readquirir os direitos sobre a marca.
Cotonetes

A idéia de uma haste com a ponta de algodão foi lançada nos Estados Unidos pela Johnson & Johnson em 1921. No começo, o Wooden Applicator, uma haste de madeira com algodão em apenas uma das pontas, tinha o seu uso restrito a hospitais, na aplicação de remédios. Em 1947, o sucesso do produto fez a Johnson & Johnson lançar o Johnson's Cotton Tipped Applicator, disponível para venda direta ao consumidor e indicado para o público infantil. Em 1963, as hastes foram mudadas de madeira para plástico.
Channel Nº5

A partir do seu primeiro emprego, numa loja de chapéus, a francesa Coco Chanel abriu as suas próprias lojas, tornando-se numa das mais importantes estilistas do mundo. O Chanel nº 5 é elaborado com uma mistura de 60 fragrâncias. O 5 era o seu número da sorte, tanto que Coco apresentou o produto no dia 5 de maio de 1921. Mas foi Marilyn Monroe quem tornou o perfume um sucesso. Ao ser entrevistada, perguntaram o que vestia para dormir. Marilyn respondeu: 'Apenas algumas gotas de Chanel nº 5'.
Canivete Suíço
Sabendo que o exército do seu país importava canivetes alemães, Karl Elsener abriu a sua fábrica em 1884. Os seus primeiros canivetes Victorinox foram entregues aos soldados suíços em outubro de 1891. Colocou o brasão do país para diferenciá-los dos alemães e batizou o produto homenageando os seus pais, Victor e Victoria. Para ampliar o negócio e atrair utilizadores mais refinados, Elsener aperfeiçoou o canivete e, assim, surgiram os modelos com ferramentas: abre latas, chave de fendas, punção e saca-rolhas, serrote, alicate, abre garrafas, palito de dentes, pinça, gancho de pesca, lente de aumento e até uma pequena bússola. O produto popularizou-se depois da Segunda Guerra Mundial, com as unidades militares americanas. Hoje, a linha para oficiais tem 100 diferentes combinações.
Caneta Bic

Marcel Bich, depois de trabalhar numa empresa de tintas durante a Segunda Guerra Mundial, em 1949, comprou uma pequena fábrica de canetas esferográficas. As canetas vazavam tinta e sujavam os dedos, mas faziam sucesso, e Bich decidiu investir no produto. Procurou o seu inventor, Ladislao 'Laszlo' Biro, comprou a patente e iniciou a fabricação da caneta Bic, cujo modelo é praticamente o mesmo até hoje. Atualmente, são vendidas 10 milhões de canetas por dia.
Barbie

A boneca mais famosa do mundo, lançada em 1958, foi inspirada em Barbie Handler , filha da americana Ruth Handler, fabricante de brinquedos. Ruth achava as caras das bonecas da época infantis demais e desenhou a Barbie com um ar mais adulto. Ao lado do marido Elliot, que fabricava casas de bonecas, em 1945 ela fundou a fábrica de brinquedos Mattel. Desde o seu lançamento, a boneca já vendeu mais de um bilhão de unidades. Se todas elas fossem colocadas em pé, umas sobre as outras, dariam mais de sete voltas ao redor da Terra. A cada dez segundos, uma boneca Barbie é vendida no mundo. Ken, o namorado de Barbie, de 1961, também foi inspirado no filho do casal.
Kellogg's
Em 1860, os Adventistas do Sétimo Dia que foram para Battle Creek, Michigan, formaram uma comunidade que ficou famosa pelo seu estilo de vida e alimentação saudável. O adventista John Harvey Kellogg, depois de estudar medicina, voltou a Battle Creek e tornou-se diretor do centro de saúde. Percebeu, então, que as refeições vegetarianas eram muitos leves e os pacientes partiam após curta estadia. Kellogg e o seu irmão, Will Keith, começaram a criar novas e saborosas formas de alimentos. Preparavam no vapor e na pressão vários tipos de grãos e, assim, criaram uma variado menu vegetariano. No entanto, ainda faltava um pão de grãos integrais com pouco amido. Após muitas experiências, chegaram acidentalmente aos flocos de trigo. Depois surgiram os flocos de arroz e os de milho (corn flakes). O tigre Tony, símbolo dos Kellogg's, foi criado em 1952 pela agência de publicidade americana Leo Burnett.
Jacuzzi
A Jacuzzi foi fundada no início do século XX por 7 irmãos, imigrantes italianos que se instalaram nos Estados Unidos. A empresa era bem-sucedida fabricando hélices de avião e bombas de irrigação para agricultura. Em 1956, uma pessoa da família precisou de um tratamento de hidroterapia. Os engenheiros da Jacuzzi adaptaram uma dessas bombas para ser usada numa banheira. E Roy Jacuzzi viu aí um bom negócio e colocou as banheiras de hidromassagem no mercado em 1968.
Harley-Davidson
Foi de um barracão na cidade de Milwaukee, Estados Unidos, em 1903, que saiu a primeira moto batizada com o sobrenome dos seus criadores: o desenhista William Harley e o engenheiro Arthur Davidson. E era preciso pedalar para pegar. Para a Primeira Guerra Mundial, a empresa recebeu do exército americano a encomenda de 20 mil unidades, algumas com metralhadoras. Na Segunda Guerra Mundial, voltou à luta: 90 mil motocicletas de 750 cilindradas serviram as forças americanas.
Gillette
King Camp Gillette, em 1895, percebeu que para se barbear, apenas era necessária a ponta da lâmina da navalha. Pensou então em fabricar uma lâmina de aço pequena e descartável. Os industriais não acreditavam ser possível fazer uma lâmina pequena, de bom corte e barata a ponto de ser deitada fora depois. Com a ajuda do mecânico William Nickerson, resolveram os problemas técnicos. Assim surgiu a Gillette Safety Company, em 28 de setembro de 1901. A produção começou em 1903 e no primeiro ano foram vendidos 51 aparelhos e 168 lâminas. Os negócios dispararam em 1905. Durante a Primeira Guerra Mundial, o governo americano encomendou 3,5 milhões de aparelhos e 36 milhões de lâminas para os seus soldados. Nessa época, a empresa já vendia 1 milhão de aparelhos e 120 milhões de lâminas por ano. A Gillette lançou o conceito de 2 lâminas paralelas em 1971 e o Sensor, em 1990.
Farinha Láctea Nestlé
Em 1867, Henri Nestlé, um químico alemão que morava em Vevey, na Suíça, descobriu um mercado emergente: o dos alimentos infantis. Começou a fabricar uma farinha nutritiva para crianças, à base de cereais e leite: a Farinha Láctea Nestlé. O nome Nestlé, em alemão, significa 'pequeno ninho'. E foi justamente esse o símbolo da empresa, porque traduz o carinho da mãe com os filhos. A Nestlé, é a maior indústria alimentícia do mundo.
Fanta

Em 1941, durante a Segunda Guerra Mundial, quando a fábrica alemã da Coca-Cola deixou de receber o xarope usado no preparo do refrigerante, os donos da fábrica tiveram de ir à procura de novos ingredientes e inventaram a Fanta. O nome, escolhido pelos empregados da empresa, foi tirado da palavra fantástica, que é parecida em muitas línguas. Entre 1945 e 1955, a marca Fanta foi usada apenas para não perder o registro. Só foi ressuscitada de verdade para o lançamento de um refrigerante de laranja criado pela Coca-Cola italiana em abril de 1955. Fez sucesso e foi conquistando o mundo, chegando aos Estados Unidos em 1959.
Donuts
Em 1946, os donuts do americano William Rosenberg faziam tanto sucesso que o horário do lanche das indústrias da região da Nova Inglaterra passou a ser ajustado ao seu itinerário. Para facilitar o consumo, o donut vinha envolto no açúcar e o café simples, sem açúcar, era servido numa caneca. Todos os clientes mergulhavam o doce no café antes de saboreá-lo. Os clientes satisfeitos insistiram para que ele abrisse uma loja. E assim formou-se a grande rede. As rosquinhas foram criadas no século XVI por padeiros holandeses, mas ainda não tinham o tradicional furo no meio. Isso só apareceu em 1847, criado pelo marinheiro americano Hanson Gregory. Essa criação valeu-lhe uma placa de bronze na sua cidade natal, Rockport.
Danone

Em 1919, o espanhol Isaac Carasso começou a fabricar iogurte com leite fresco num pequeno galpão depois de ouvir falar dos benefícios do alimento. Batizou-o de Danone, as primeiras letras do nome do filho, Daniel, unidas à palavra inglesa one, pois o menino era o primogénito. O negócio prosperou por Espanha e, em 1932, Daniel Carasso montou uma fábrica em França. Daniel era judeu, e, quando estourou a Segunda Guerra Mundial, foi obrigado a exilar-se nos Estados Unidos. Lá fundou a Dannon Companny. Nesse período, as fábricas francesa e espanhola tinham ficado com pessoas de confiança e, quando Daniel voltou à Europa, em 1952, reassumiu o controle.
Playboy
Em 1953, aos 27 anos, o americano Hugh Hefner era diretor de circulação da revista Children's Activities. Ele acreditava que havia mercado para uma revista de jovens adultos, mas as publicações masculinas eram sobre caçadas, armas, carros, etc., e ignoravam os assunto que mais preocupava os homens: mulheres. Por 500 dólares, comprou os direitos de fotos que Marilyn Monroe tirou para um calendário no início de carreira, emprestou dinheiro com amigos e parentes e criou uma revista. O nome seria Stag Party (em português, farra) e o símbolo, um veado a fumar e à espera de uma companhia feminina. Na véspera do lançamento, porém, Hefner descobriu que havia uma publicação com esse nome. Pensou em vários outros - Top Hat, Bachelor, Gentlemen - até que um amigo sugeriu Playboy, nome de uma fábrica de carros falida. E Hefner encomendou ao desenhista Arthur Paul uma nova mascote. O coelho foi adoptado e hoje é uma marca mundialmente conhecida. Em outubro de 1953, dos 69.500 exemplares do primeiro número, 54.175 foram vendidos.
Ovomaltine
O químico suíço Georges Wander pesquisava de um complemento alimentar nutritivo e forte e interessou-se pelo extrato de malte, obtido da cevada. A sua morte fez com que o seu filho, Alberto, continuasse as pesquisas. Em 1904, Alberto Wander criou a fórmula do Ovomaltine, com extrato de malte de cevada, ovos, leite integral, cacau, vitaminas e sais minerais. Dois anos depois, começou a produzi-lo na cidade de Berna.
Nescafé

Nos anos 30, houve uma superprodução de café e os preços do produto no mercado internacional desceram bastante. O Brasil, o maior produtor da época, entrou numa crise séria. Entre 1931 e 1938, foram destruídas 65 milhões de sacas de café. Então as autoridades brasileiras sugeriram que a Nestlé, que já fabricava leite em pó, desenvolvesse um café solúvel. As pesquisas de Hans Morgenthales levaram 7 anos e o seu grande mérito foi descobrir que se deveria acrescentar hidratos de carbono à matéria-prima para manter o aroma do café. A produção de Nescafé foi iniciada em 1939.
McDonald's
Ray Kroc vendia multimixers, máquinas que batiam 6 milk-shakes de uma só vez. Em 1954, ele foi conhecer um pequeno drive-in de hambúrgueres que precisava de 8 dos seus multimixers de uma só vez. Era o estabelecimento dos irmãos Dick e Maurice McDonald, onde as pessoas faziam fila para comprar um hambúrguer por 15 centavos ou uma porção de batatas fritas por 10 centavos. Krok imaginou que se os McDonald abrissem mais 10 estabelecimentos, ele poderia vender 80 multimixers. Os irmãos já tinham vendido franquias, mas muitas não mantinham os padrões e prejudicavam a imagem do estabelecimento. Mesmo assim, Kroc convenceu-os a abrir novas lojas. Partiu para Chicago com uma planta do restaurante, uma receita para as batatas fritas e um contrato que lhe dava permissão para encontrar novos locais para as filiais. Uma das únicas exigências era a de que todos os restaurantes deveriam ter a aparência exacta daquele de San Bernardino. A primeira loja, aberta em abril de 1955, em Des Plaines , Illinois, foi um grande sucesso. Em 1957, eram 37 estabelecimentos. A dedicação de Kroc aos estabelecimentos era total, e logo se cansou da letargia dos irmãos McDonald. Comprou a companhia com 2,7 milhões de dólares vindos de um investidor. Na década de 60, os estabelecimentos ganharam lugares para se sentar. O sistema drive thru apareceu no início dos anos 70. Ronald McDonald, símbolo da rede, foi criado em 1963.
Levi's
Levi Strauss chegou aos Estados Unidos em junho de 1847. Foi trabalhar para os seus irmãos mais velhos, vendendo tecidos e objectos domésticos em Kentucky. Dois anos depois, partiu para a Corrida do Ouro, na Califórnia. Vendeu todos os seus pertences, mas não conseguiu desfazer-se de uns rolos de lona. Quis vendê-los como material para tendas ou para cobrir carroças, mas as pessoas queriam calças resistentes. Em 1850, contratou um alfaiate e transformou a sua lona em macacões, que foram vendidos rapidamente. Logo abriu uma pequena confecção de calças em San Francisco. E quando Levi trocou a lona pelo serge de Nimes (tecido de Nimes), mais resistente e durável, tingiu-o com índigo. Os americanos, que chamavam o tecido de denim, passaram a chamar a calça de Levi's blue denim ou blue jeans. Na década de 1860, o alfaiate Jacob Davis colocou rebites para reforçar os bolsos que se rasgavam. Levou a bem-sucedida ideia para Levi e tornaram-se sócios. O número 501 marcava o lote de tecido das primeiras calças jeans de que o mundo teve notícia. Por isso, o modelo foi chamado de Levi's 501.
Lego
O carpinteiro dinamarquês Ole Kirk Christiansen começou a fabricar, em 1932, carrinhos de madeira artesanais para o seu filho, Godtfred. Depois passou a fazer brinquedos desmontáveis até criar, em 1942, as primeiras pecinhas de plástico para encaixar. A palavra Lego vem da expressão leg godt, que significa 'bem jogado'.
Lacoste
Em 1927, o tenista francês René Lacoste foi o principal responsável pela primeira vitória francesa na Taça Davis e coleccionou títulos nos famosos torneios de Roland Garros, Wimbledon e Forrest Hills. Ele usou a figura de um crocodilo como brasão num blazer azul-marinho e numa camisa de mangas curtas, com gola e botões que iam até ao pescoço, desenhados por ele mesmo. O uniforme inusitado apareceu pela primeira vez no Torneio Aberto dos Estados Unidos. Dois anos depois, ele abandonou os courts por causa de uma tuberculose e dedicou-se totalmente aos negócios da sua marca.
Kodak

O americano George Eastman, inventor do filme em rolo, revolucionou o mercado em 1888 criando uma máquina fotográfica simples, leve e barata. Ela foi baptizada de kodak, nome curto e fácil de ser pronunciado em qualquer língua. Ao terminar o filme, o cliente deveria levar a máquina até ao local em que a havia comprado para que ele fosse retirado. As fotos eram reveladas e entregues em 10 dias. Com o slogan 'Aperte o botão que nós fazemos o resto', 90 mil máquinas kodak foram vendidas no primeiro ano.
Kleenex

Quando houve falta de algodão no mercado, em 1914, a Kimberly-Clark, fabricante de papel, criou um substituto macio e absorvente: o cellucotton. Durante a Primeira Guerra Mundial, foi bastante usado como filtro para máscaras de gás e em hospitais e pronto-socorros dos Estados Unidos e da Europa. Com o fim da guerra e da escassez do algodão, a Kimberly-Clark procurou novas maneiras de vender a sua criação. Em 1929, lançaram os lenços de papel Kleenex com a caixa pop up (ao puxar uma folha, parte da próxima sai da caixa). Uma pesquisa indicou que, em vez de usarem os lenços para remover cremes e maquilhagem, as pessoas usavam-nos como lenço de nariz. A publicidade do Kleenex foi mudada e o seu slogan dizia: 'Não ponha um resfriado no seu bolso'.
Relógios Swatch
Os engenheiros Elmar Mock e Jacques Muller procuraram Ernst Thomke, director-gerente da companhia de relógios ETA, na Suíça, para apresentar o primeiro protótipo de um relógio de plástico. Era 1 de julho de 1980. Naquela época, a indústria de relógios suíça atravessava uma séria crise por causa dos fabricantes asiáticos, que ofereciam relógios a preços baixos. Em 1 de março de 1983, o Swatch (abreviatura de Swiss watch, relógio suíço) foi lançado. Era um relógio de alta precisão e qualidade, à prova de água e choque, por um preço bastante acessível.
Ray-Ban
Conta-se que os óculos escuros foram inventados pelos chineses no século XIII. A Bausch & Lomb, primeira empresa óptica americana, foi fundada em 1850 por dois amigos, J.J. Bausch e H. Lomb. Em 1920, a Força Aérea dos Estados Unidos fez uma encomenda: produzir uma protecção ocular para os seus pilotos de caça, que enfrentavam sérios problemas de visibilidade. Depois de dez anos de pesquisa, apresentaram óculos com lentes verdes, que reflectiam os raios solares. Somente em 1936 a novidade foi baptizada de Ray-Ban e começou a ser vendida ao grande público
Rolls-Royce

Rolls-Royce, o carro mais cobiçado do mundo, surgiu da união entre o mecânico Henry Royce e o aristocrata Charles Stewart Roll, vendedor de automóveis. Henry projetou um carro revolucionário e convenceu Charles a conhecê-lo. Era maio de 1904. Na oficina de Henry, Charles não gostou do motor de 2 cilindros até perceber que o carro era silencioso. Depois de um passeio, Charles fez a proposta: criaram a Rolls-Royce, assegurando o direito de exclusividade na venda de toda a produção. A parceria durou 6 anos. Charles morreu num acidente de avião em 1910. Depois da morte de Henry, em 1933, a plaqueta com as letras RR que identifica a marca passou a ter fundo preto, em vez do vermelho original. A estatueta A Dama Voadora, que fica na frente do carro, foi criada em 1910 pelo escultor inglês Charles Sykes.
Post-It
Em 1968, Spencer Silver, cientista da 3M, pesquisava um adesivo muito aderente, quando alguma coisa deu errada. O resultado foi um adesivo fraco, que aderia levemente à superfície em que era colocado. Silver espalhou a notícia na esperança de encontrar alguém que pudesse utilizar o seu invento. Enquanto isso, Art Fry, outro químico da 3M e membro de um coro de igreja, não conseguia manter presas as tiras de papel que utilizava para marcar as páginas das músicas. Lembrou-se então do adesivo descoberto pelo colega. Os dois perceberam que haviam descoberto um conceito totalmente novo em blocos de recados. Enquanto o adesivo era aperfeiçoado, Art Fry enviava amostras às secretárias e executivos da 3M. Todos solicitavam mais. Em 1980, os blocos de recados Post-it chegaram ao mercado.
Polaroid
O físico americano Edwin Land estava a tirar fotos à filha de 5 anos, quando ela perguntou: 'Porque é que não podemos ver estas fotos agora?' Ele percebeu que aquele era o mesmo desejo de muitos fotógrafos amadores. Desse modo, em 1948, ele criou a máquina Polaroid, capaz de produzir fotos instantâneas sem o negativo sair do aparelho. O negativo é revelado com produtos químicos libertados logo que a foto é tirada. Eles transportam sais de prata para uma folha de papel 10 segundos depois do clic.
Playmobil
Hans Beck, chefe de criação da Geobra-Brandstatter, da Alemanha, recebeu em 1970 a missão de criar um brinquedo totalmente inovador. Depois de 4 anos de investigação, apresentou os pequenos personagens da família Playmobil, produzidos num plástico bastante resistente, que transformaram a empresa no maior fabricante de brinquedos do país.
Pizza Hut
A cadeia americana foi criada pelos irmãos Dan e Frank Carney, no Kansas, em 1958. A primeira loja parecia uma cabana - ou, em bom inglês, hut. Grande parte dos restaurantes segue o padrão do telhado vermelho, o símbolo da empresa que faz lembrar a cabana dos velhos tempos. A Pepsi comprou o negócio em 1978.
Pepsi
O americano Caleb Bradham, farmacêutico de New Bern, na Carolina do Norte, em 1898, criou um refrigerante chamado Brad's Drink. Segundo o inventor, a bebida era revigorante, rejuvenescedora e ajudava na digestão. O novo nome, Pepsi-Cola, veio dos seus principais ingredientes (pepsina e nozes de cola). Foi usado pela primeira vez em 28 de agosto, mas Bradham só registrou a marca em 1902.
Parmalat
O italiano Calisto Tanzi tinha 21 anos quando o seu pai morreu e ele foi obrigado a cuidar da fábrica de presunto da família, em Collechio. Até que resolveu inovar e investir no leite. Criou a marca Parmalat em 1962: juntou o nome de sua cidade natal (Parma) com a palavra leite (latte, em italiano).
Parker
George Parker, jovem professor de telegrafia de Wisconsin, EUA, criou um novo modelo de caneta em 1888. A revolucionária Parker 51, com a pena embutida, que fazia a tinta secar no instante em que tocava o papel. Durante 1940, a Parker americana decidiu testá-la no mercado brasileiro antes de soltá-la para o resto do mundo. Cinco anos depois, seria com uma delas que o general Eisenhower assinaria a aceitação da rendição alemã na Segunda Guerra Mundial.
Singer
O americano Isaac Merritt Singer entrou para a história em Boston no ano de 1852: foi o primeiro a produzir e comercializar uma máquina de costura de uso doméstico. Ao observar algumas máquinas em ação, Singer propôs substituir a agulha curva por uma reta e fazer a laçadeira mover-se em vai-e-vem (e não em círculos). A grande vantagem da máquina de Singer era permitir costuras em qualquer sentido, não só em linha reta.
Rolex
Em 1905, depois de estágios em relojoarias da Suíça, o alemão Hans Wilsdorf fundou com seu cunhado a Wilsdorf Davis. Sediada em Londres, a empresa montava e distribuía relógios com mecanismos suíços. Menos de um ano depois, a Wilsdorf & Davis passou a produzir relógios de pulso. Em 1908, Wilsdorf baptizou os seus relógios de Rolex, nome facilmente pronunciável em todas as línguas europeias. Somente em 1925, depois de uma grande campanha publicitária, ele lançou a 'coroinha', logotipo do Rolex. O Rolex Datejust, de 1945, foi o primeiro relógio de pulso a exibir datas no mostrador.
Sadia
A marca foi criada por seu fundador Attilio Fontana. O primeiro frigorífico se situava na região de Concórdia, no Estado de Santa Catarina. O nome foi composto a partir das iniciais SA de 'Sociedade Anônima' e das três últimas letras da palavra 'Concórdia', DIA, a partir daí SADIA se tornou marca registrada em 1947.
Teflon
O teflon, foi descoberto quando se abriu um caminhão que transportava tetrafluoretileno, uma substância gasosa refrigerante, e se percebeu que não havia mais gás algum escapando de dentro do tanque. Um químico da indústria americana Du Pont, depois de determinar que não houvera falha na válvula do tanque, resolveu por curiosidade serrar o tanque e investigar seu interior. Descobriu então que se formara um pó branco ceroso, resultado da combinação das moléculas do tetrafluoretileno, num processo de polimerização. Através de análises posteriores, descobriu-se que este novo polímero tinha propriedades notáveis. Era inerte a ácidos, álcalis e calor e extremamente escorregadio. Por estas propriedades, o produto foi aprimorado e passou ser empregado em diversos segmentos da indústria.
Sutiã
Foi uma nova-iorquina quem criou o moderno sutiã em 1913. Cansada de corpetes de ossos de baleias e dos espartilhos, Mary Phelps Jacob, com a ajuda de sua empregada francesa, montou sua invenção usando dois lenços e fitas cor-de-rosa. Criou uma peça macia e que sustentava os seios com firmeza, o protótipo do sutiã moderno.

Acessórios eróticos viram motivo de queixas

A jornalista Claudia Varejão Wallin informa de Estocolmo para a BBC Brasil.
Dois suecos apresentaram uma queixa formal de discriminação contra a empresa que detém o monopólio das farmácias no país, alegando que os acessórios eróticos à venda nas lojas são dirigidos mais às mulheres do que aos homens.
A Apoteket, estatal que detém o monopólio das farmácias na Suécia, começou a vender acessórios eróticos há poucos meses. A oferta atraiu os clientes e a empresa registrou vendas semanais de mais de mil vibradores e pênis de borracha.
No entanto, os homens argumentam que a oferta de brinquedos eróticos da Apoteket está privilegiando as mulheres e reclamam de discriminação. O caso foi levado por dois homens ao Ombudsman de Oportunidades Iguais - autoridade responsável por questões de discriminação na Suécia.
Na queixa, consta que a seleção de produtos eróticos da Apoteket demonstra "uma visão falsa e distorcida da sexualidade, segundo a qual uma mulher que utiliza um vibrador é considerada liberada, forte e independente, ao passo que um homem que usa uma vagina de plástico inflável é visto como um ser repugnante e pervertido".
Defesa
A gerente de produtos da Apoteket, Eva Fernwall, foi obrigada a fazer uma defesa pública da sua escolha de acessórios eróticos. Em um comunicado publicado no jornal Expressen, ela argumentou que não existem muitos produtos de boa qualidade para homens no mercado.
"Se houvesse produtos de qualidade, nada nos impediria de vendê-los", disse a gerente. O Ombudsman anunciou de imediato o veredicto de uma das queixas apresentadas, afirmando que não se trata de um caso de discriminação contra os homens.
"Os produtos da Apoteket estão disponíveis para homens e mulheres, e, portanto, a Apoteket não está violando a lei contra a discriminação sexual", diz o veredicto.
Guerra dos sexos
Apesar da aparente perda na tentativa de reclamar contra a discriminação, a luta dos homens por igualdade na Suécia já acumula algumas vitórias.
As mulheres perderam o privilégio de contar com tarifas preferenciais em agências de relacionamento e nos salões de beleza da Suécia depois de protestos realizados pelo sexo oposto. Agora, homens e mulheres pagam o mesmo preço pelos serviços.
As manifestações masculinas derrubaram também os preços especiais oferecidos às mulheres pelas empresas de táxi. As tarifas dos chamados "taxi-tjej" (táxi-garota, em tradução literal) haviam sido criadas para incentivar as mulheres a viajarem com segurança para casa durante a noite, na saída dos bares e clubes noturnos.
Nesses mesmos bares e clubes, a idade mínima para entrada de homens e mulheres (18 anos) também passou a ser a mesma depois de protestos. Antes, os bares noturnos permitiam a entrada de mulheres mais jovens para atrair a clientela masculina, mas barravam os homens da mesma idade.
Na semana passada, os guardas de uma penitenciária realizaram um protesto contra a norma que determina que pelo menos um guarda do sexo masculino tenha que estar presente no pátio durante o horário de banho de sol dos prisioneiros - o que, segundo eles, proporciona esquemas de folga privilegiados para as mulheres.
Aproveitando a onda reivindicatória, um casal de lésbicas que tentava ter um filho através de inseminação artificial também decidiu entrar na Justiça.
Após ser submetida a três tentativas sem sucesso, uma delas exigiu que a companheira também tivesse o direito de tentar a inseminação. No entanto, o pedido foi negado pelo juiz com o argumento que um casal heterossexual não teria a mesma oportunidade de realizar uma dupla tentativa, uma vez que homens não podem engravidar.
Desigualdade
Apesar da crescente rebelião masculina, as mulheres suecas afirmam que os homens continuam tendo mais vantagens nas questões consideradas mais fundamentais.
O movimento feminista conquistou, na Suécia, um dos maiores níveis de igualdade de gênero do mundo. No entanto, estatísticas governamentais apontam que as mulheres ganham em média 84% do salário pago aos homens.
Um estudo divulgado esta semana pelo banco sueco Länsförsäkringar Bank indica ainda que o valor da aposentadoria das mulheres é, em média, de 80% a 90% do valor pago aos aposentados do sexo masculino.
O economista Göran Normann, autor do estudo, acredita que a única maneira de criar maior igualdade entre os sexos é fazer com que os homens ofereçam algum tipo de compensação às parceiras. "O homem deveria dar parte da sua aposentadoria à mulher", recomenda o economista.
Fonte: BBC Brasil

terça-feira, 19 de agosto de 2008

Você TINHA medo de se expor aos raios solares?

Se respondeu sim, em razão de medo por contrair câncer, precisa saber o que diz o Dr. William Grant, um especialista americano em estudos sobre o papel que desempenha a vitamina em nossa saúde. Ele explica como a vitamina D vinda dos raios solares mantém nossa saúde, quanto necessitamos e como prestar atenção ao assunto.
Veja comentários aqui e assista o vídeo com o especialista.



Fonte: Dr. Mercola

Computador ou computadora?

Vejam como o castelhano explica a diferença em relação ao português!
Em conversa com um amigo espanhol, levantei a seguinte questão:
- Porque é que "computador" em espanhol é feminino, ou seja, é "computadora"?
Ao que ele me respondeu categoricamente:
- É porque está comprovado que os computadores são realmente do sexo feminino, sem qualquer sombra de dúvidas.
Aí, eu pedi:
- OK, cita-me lá uma razão.
Ele deu-me várias...
Eis aqui algumas razões que atestam, cientificamente, que os computadores são fêmeas:
1) Assim que se arranja um, aparece outro melhor na esquina mais próxima.
2) Ninguém, além do Criador, é capaz de entender a sua lógica interna.
(Muito boa!)
3) Mesmo os erros mais pequeninos que você cometa são guardados na memória para futura referência. (Esta é fatal!)
4) A linguagem nativa usada na comunicação entre computadores é incompreensível para qualquer outra espécie.
5) A mensagem "bad command" ou "file name" é tão informativa quanto, digamos, "se você não sabe porque estou chateada, também não sou eu quem te vai explicar!!!!!"
(Esta é ótima!)
6) Assim que você escolhe um computador, qualquer que seja, rapidamente gastará todo o seu salário com acessórios para ele.
7) O computador processa informações com muita rapidez, mas não pensa.
(Esta é cruel, mas convenhamos é boa...)
8) O computador do seu amigo, vizinho, ou do seu escritório é sempre melhor do que o que você tem em casa. (Esta é mesmo mazinha... oh, oh, oh, oh)
9) O computador não faz absolutamente nada sozinho, a não ser que você digite uma ordem de execução.
(Esta é péssima!)
10) É sempre nos momentos mais importantes que o computador trava.

Será que alguém ainda tem dúvidas que o computador é do sexo feminino?

sexta-feira, 15 de agosto de 2008

Bondes no Rio de Janeiro

Se você é um nostálgico com relação aos bondes que trafegavam pelo Rio de Janeiro, vale a pena dar uma olhada no site Bondes do Rio de Janeiro. Lá você encontrará informações as mais diversas e interessantes, como:
- um resumo histórico da atuação da Light no serviço de bondes do Rio;
- informação sobre as Seções de Tráfego da Light e os bairros que elas cobriam;
- fotos e descrição de várias características dos bondes, entre as quais: categorias, porte, tipo de coletor de energia, bitola; capacidade, bidirecionalidade, séries de numeração, tipos de letreiro; linhas de bonde existentes em 1951 e 1958;
- vídeos (filmes) mostrando bondes em circulação;
- curiosidades e detalhes do cotidiano dos bondes;
- fotos dos bondes cariocas existentes nos EUA, tanto em museus quanto em circulação.

Pequenos deprimidos

Prestem atenção à seguinte notícia.
Rio - Perda do prazer em se divertir, pensamentos de morte, cansaço, alimentação desequilibrada e mau rendimento escolar. Se o seu filho apresenta ao menos dois desses sintomas, fique atento, pois ele pode sofrer de depressão. Para ajudar a combater esse mal, que atinge cerca de 10% da população nacional dos 6 aos 16 anos de idade, a Santa Casa de Misericórdia do Rio vai oferecer tratamento para deprimidos que tenham entre 6 e 15 anos.
As inscrições podem ser feitas, até o dia 26 de setembro, pelo telefone 2533-0118. É preciso comprovar baixa renda para ter acesso ao tratamento. De acordo com o chefe de serviço infanto-juvenil do ambulatório de psiquiatria, Fábio Barbirato, a unidade espera receber cerca de 200 inscrições, para preencher as 50 vagas. “Apenas um terço das pessoas que chegam à unidade realmente tem depressão. Os sintomas devem permanecer por mais de uma semana”, explicou.
Após a inscrição, a unidade entra em contato com o paciente para agendar a avaliação. O médico ressalta que essa etapa, cuja conclusão está prevista para o final de outubro, se divide em duas partes: entrevista com os pais e conversa com a criança, ambas feitas pelo mesmo psiquiatra.
Detectado o problema, o paciente inicia o tratamento, que inclui consultas semanais com um psiquiatra. Os responsáveis são atendidos a cada 15 dias e, se preciso, professores da criança podem ser chamados.

REMÉDIOS GRÁTIS
Barbirato lembra que os remédios receitados podem ser adquiridos junto à Secretaria Estadual de Saúde. “Temos um índice de 80% dos pacientes com alta. Procuramos evitar que crianças depressivas se tornem jovens suicidas”, afirma.
O ambulatório infanto-juvenil da Santa Casa existe há três anos e as inscrições só podem ser feitas pelo telefone. Nos últimos dez anos, o número de crianças e adolescentes com depressão subiu cerca de 10% no mundo. Para Barbirato, o aumento da violência e a separação dos pais são fatores que levam os pacientes a desenvolver o problema.

SINTOMAS DA DEPRESSÃO INFANTO-JUVENIL
A depressão infanto-juvenil atinge cerca de 10% da população nacional na faixa etária dos 6 aos 16 anos. Atitudes que parecem não ser graves podem esconder a doença. Caso os sintomas persistam por uma semana, procure um especialista e faça uma avaliação
Falta de vontade de se divertir, apatia, cansaço
Fisionomia triste
Desequilíbrios alimentares: comer menos ou muito mais dos que as outras crianças
Choro e irritabilidade fáceis e sem motivo aparente
Reclamações constantes de dor na barriga, na cabeça ou nas pernas
Mau rendimento escolar
Isolamento social
Sentimentos de culpa e de que está “ dando trabalho” aos pais
Passar muito tempo dormindo e deitado
Pensamentos de morte e/ou suicídio.

quarta-feira, 13 de agosto de 2008

Veneno ecológico para matar ratos!

Recebi por email.
Vivendo e aprendendo... Método usado por criadores de pássaros.
COMBATENDO OS RATOS
Mudei-me há poucos meses para o primeiro andar de um prédio e, como todo paulistano, estou sendo vítima desses indesejáveis hóspedes. Pergunta daqui, pergunta dali... Uma amiga me disse que feijão triturado matava ratos, mas não detalhou porque... Fui pesquisar e descobri esse estudo da Universidade Federal de Pelotas (que é o link deste post). É FATO!
Como fazer: pegue uma xícara de qualquer feijão cru (sem lavar mesmo), coloque no multiprocessador, ou liquidificador (SEM ÁGUA) e triture até virar uma farofinha bem fininha, mas sem virar totalmente pó.
Onde colocar: coloque em montinhos (uma colher de chá) nos cantos do chão, perto das portas, e janelas (sim eles escalam as janelas), atrás da geladeira, atrás do fogão, atrás de tuuuuuuuuudo ! O que acontece: em português claro: o rato come essa farofinha, dilicia... Nhami nhami... Mas ele não tem como digerir o feijão (cru), por falta de substâncias que digerem feijão cru, causando assim um envenenamento natural por fermentação. Resumindo: a rataiada morre em até 3 dias.
DETALHE IMPORTANTE:
Ao contrário dos tradicionais venenos (racumim, por exemplo) o rato morre e não contamina animais de estimação. A quantidade de feijão que ele ingeriu e morreu é insuficiente para matar um cão ou gato, mesmo porque estes gostam de MATAR pra comer... Mas morto eles
não comem. Se tiver crianças pequenas (bebês) ainda em período de engatinhamento, que colocam tudo na boca, não faz mal algum, pois o feijão para o ser humano, mesmo cru é digerido.
NÃO TEM CONTRA-INDICAÇÃO.

Meu canal de slides